Menu delicioso Kurotel para fazer em casa

A alimentação saudável pode ser muito saborosa. Pensando nisso, desenvolvemos um delicioso menu para você reproduzir em sua casa.

Anote os ingredientes e modos de preparos.

SOPA FRIA DE MELÃO

Ingredientes:

  • 1 melão
  • 2 colheres de sopa de sumo de limão
  • 1/4 de colher de chá de sal não refinado
  • 1/4 de colher de chá de pimenta do reino
  • 1/4 de colher de chá de noz-moscada ralada
  • 1/2 xícara de chá de suco de maçã ou de laranja (se necessário)

Modo de preparo:

Retire a casca do melão e as sementes. Corte o melão em pedaços de 2,5 cm. Num processador de alimentos, bata o melão, o sumo de limão, o sal, a pimenta e a noz-moscada. Se a sopa estiver muito espessa, adicione sumo de maçã para regular a consistência. Mude a sopa para uma taça média. Ponha na geladeira por cerca de 2 horas. Coloque alguns cubos sobre a sopa no momento de servir.
Sirva a sopa fria.

 

 SALADA DE CAMARÕES COM ASPARGO, ABACATE E CHIA

Ingredientes:

  • 500g de camarões graúdos, cozidos e descascados
  • 500g de aspargos frescos
  • 2 abobrinhas
  • 2 miolos de alface
  • 1 abacate pequeno
  • 4 colheres de sopa de suco de limão
  • 1 colher de sopa de salsinha picada
  • 1 colher de sopa de ceboulete picada
  • 2 taças de vinho branco seco
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva extra virgem
  • 1 colher de sopa de semente de chia
  • Sal marinho não refinado e pimenta-do-reino
  • Folhas de hortelã fresca para decorar

Modo de preparo:

Cozinhe os aspargos al dente e reserve. Cozinhe as abobrinhas inteiras na mesma água do cozimento do aspargo e reserve. Ainda na mesma água, acrescente o vinho branco, deixe ferver novamente e acrescente os camarões por 5 minutos e reserve. Descasque os abacates, corte em cubos, regue com o suco de limão. Corte as abobrinhas em rodelas e os aspargos ao meio e depois em pedaços de aproximadamente 4 cm. Junte todos os ingredientes numa saladeira e misture bem, regue com azeite de oliva e sirva em seguida.

 

BACALHAU GRELHADO COM PURÊ DE MAÇÃ-VERDE E DAMASCO

Ingredientes:

  • 6 postas de bacalhau demolhadas e limpas.
  • Azeite para untar e regar o quanto baste.
  • Sal e pimenta-branca a gosto.

Purê:

  • 6 maçãs-verdes.
  • 200 g de damasco seco.
  • Suco de ½ limão siciliano.
  • Suco de 1 laranja.
  • ½ xícara (chá) de água.
  • 1 ramo de canela em pau.
  • 1 colher (chá) de manteiga ghee ou óleo de coco.
  • 1 pitada de sal.

Modo de preparo:

Lave as maçãs, descasque-as e pique-as. Deixe-as na água com o suco de limão.
Feito isto, coloque-as em uma panela, leve-as ao fogo baixo com o damasco. Junte o suco de 1 laranja, a água, a canela e cozinhe com a panela tampada até amaciarem. Desligue o fogo, retire a canela e bata no liquidificador. Retorne-as ao fogo médio com a manteiga ghee, o sal e mexa até que vire um purê na consistência desejada. Unte o bacalhau e a grelha com azeite. Tempere com sal (se faltar) e pimenta-branca. Grelhe dos 2 lados. Quando as postas estiverem douradas, sirva decorado com o purê.

 

FRANGO AO MOLHO CAIPIRA COM PURÊ DE ABÓBORA

 

Ingredientes:

  • 4 files de peito de frango sem pele
  • 1 colher (café) de sal marinho
  • 1 colher (café) de páprica doce
  • 1 colher (café) de pimenta do reino moída
  • 1 colher (café) de alecrim fresco

Para o molho:

  • Suco de 1 limão
  • 2 dentes de alho amassados
  • ½ unidade de cebola roxa picada
  • 5 unidades de tomate cereja cortados em 4
  • Folhas de manjericão a gosto
  • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva extra virgem

Para o purê:

  • 300g de abóbora cabotiá (moranga)
  • 1 colher (café) de sal marinho
  • 1 colher (café) de noz moscada moída na hora
  • 1 colher (café) de pimenta do reino moída
  • 1 colher (café) de salsinha picada
  • Água suficiente para cobrir

Modo de preparo:

Frango:

Misturar em uma tigela todos os ingredientes para o tempero do frango. Temperar o frango com a mistura dos ingredientes.  Deixe marinar por 30 minutos. Em uma grelha, grelhar ambos os lados. Somente 1 lado ficará com os temperos marinados. Reserve.

Molho:

Mesclar todos os ingredientes e levar para aquecer até os tomates murcharem, cerca de 3 minutos. Reserve.

Purê:

Colocar a abóbora para cozinhar junto com os temperos. Colocar uma quantidade de água apenas para cobrir. Deixar cozinhar até a água secar e a abóbora ficar bem macia. Amassar a abóbora dentro da própria panela até ficar parecido com um purê. Não usar manteiga ou azeite. Decorar com salsinha picada.

 

MOUSSE DE CHOCOLATE AMARGO COM CROCANTE DE CASTANHAS E FLOR DE SAL

Ingredientes:

  • 150g de chocolate amargo sem lactose
  • 2 claras
  • 150g de biomassa de banana verde
  • 2 colheres de sopa de açúcar masco
  • 50 ml de leite de coco
  • 6 unidades de castanhas do Pará
  • Flor de sal

Modo de preparo:

Derreta o chocolate em banho maria, adicione a biomassa e o leite de coco, misture bem até formar um creme homogêneo. Reserve. Coloque as claras em banho maria e adicione o açúcar, deixe esquentar até ficar morna (60° ou temperatura de mamadeira). Leve a mistura para batedeira e bata até formar claras em neve, com textura firme. Adicione a mistura do chocolate as claras, mexendo bem levemente para não perder o aerado da massa. E está pronto.

Coloque em recipientes individuais e leve à geladeira por 1 hora antes de servir.

Para o crocante de castanhas, pique as castanhas grosseiramente e coloque em forno a 180°C por 5 minutos. Decore o mousse com as castanhas tostadas e flor de sal.

Hidratação é importante?

Todos nós sabemos que a hidratação é superimportante para o pleno funcionamento do organismo, pois é através da ingestão hídrica que os processos de absorção, digestão e excreção do nosso corpo ocorrem adequadamente. Além disso, estar bem hidratado é essencial para o transporte de nutrientes, para a regulação da temperatura corporal, para o bom funcionamento do sistema circulatório e dos rins, e para a hidratação da pele, cabelos e unhas.

Segundo a European Hydration Institute a ingestão de água deve provir cerca de 20 a 30% das frutas, hortaliças e legumes, e 70 a 80% da água e bebidas.  Isso significa que precisamos de cerca de 25 a 30 ml de líquidos para cada kg de peso corporal para garantir uma hidratação adequada. Se fizermos o cálculo este cálculo uma pessoa de 60 kg necessita tomar aproximadamente 1,8 litros de líquido por dia, sendo este especialmente a água.

Durante o verão ou prática de exercícios físicos aumenta a necessidade de água do organismo, pois suamos mais. Com o suor, além da água, perdemos também sais minerais. Quando as perdas de água se tornam maiores do que a reposição, o organismo entra em processo de desidratação, o que é extremamente perigoso e, em casos extremos, pode ser fatal. Para que haja um melhor aproveitamento dos líquidos ingeridos, importante toma-los ao longo do dia (cerca de 200 a 250 ml por vez a cada 1 ou 2 horas).

Além da água, também é interessante tomar sucos de frutas naturais ou consumir as frutas (especialmente as ricas em potássio, um regulador da hidratação das células, como melancia, melão, morango, abacaxi) ou água de coco natural que possuem quantidades equilibradas de sais minerais e água. Evitar alimentos muito condimentados, açúcar, temperos, excesso de café e outras bebidas que contenham cafeína (chá verde, chá branco, chimarrão, chá preto) e bebidas alcóolicas, que levam à maior eliminação de líquidos.

Essencial hidratar-se antes de exercícios físicos (no mínimo ½ garrafinha, 1 hora antes da atividade física) e também durante o exercício (1 copo a cada 15 ou 20 minutos). Não é necessário tomar bebidas isotônicas a não ser que o exercício seja intenso (em que houver perda de mais de 2% do peso após os exercícios, em comparação com o peso anterior ao exercício) e/ou com duração maior do que 2 horas.

Outra recomendação é evitar o consumo exagerado de líquidos junto às refeições principais, pois prejudicam a digestão dos alimentos devido à diluição dos sucos gástricos e produção das enzimas digestivas, o que leva a pouca absorção de nutrientes e pode gerar sintomas como distensão abdominal e gases. Procure tomar líquidos cerca de trinto minutos antes das refeições principais (almoço e jantar) e aguarde no mínimo sessenta minutos após a refeição para voltar a tomar maior quantidade de líquido (neste período, limite a ingestão à 100ml copo de água).

 

Artigos pesquisados

EFSA, Scientific Opinion on the substantiation of health claims related to water and maintenance of normal physical and cognitive functions (ID 1102, 1209, 1294, 1331), maintenance of normal thermoregulation (ID 1208) and “basic requirement of all living things” (ID 1207) pursuant to Article 13(1) of Regulation (EC) No 1924/20061; EFSA Journal; 2011; 9; 2075-2091. 

 

Kolasa, K.M., Lackey, C.J. & Grandjean, A.C. Hydration and Health promotion. Nutrition Today. 2009; 44: 190-201. 

 

Institute of Medicine (U.S.) Panel on Dietary Reference Intakes for Electrolytes and Water (2005) Dietary reference intakes for water, potassium, sodium, chloride, and sulfate / Panel on Dietary Reference Intakes for Electrolytes and Water, Standing Committee on the Scientific. Evaluation of Dietary Reference

 

 

Alimentação funcional

A alimentação funcional é uma forma equilibrada de nutrir o corpo, onde os cuidados estão voltados para a ingestão dos alimentos corretos, suas composições nutricionais e os seus benefícios para a saúde, de forma a garantir os melhores nutrientes para as células, proporcionando longevidade com qualidade e corpo com mais saúde e vigor. O ideal é alimentar-se em curtos espaços de tempo (3 em 3 horas) para manter o metabolismo equilibrado e o controle do apetite.

625

16 de outubro – Dia Mundial da Alimentação