Saúde do homem

O Novembro Azul é referência na missão de orientar a população masculina a cuidar melhor da saúde. É o mês da campanha de combate ao câncer de Próstata do Brasil. Vamos entender um pouco mais sobre esse assunto?

Afinal, o que é a PRÓSTATA?

É a glândula sexual masculina, situada em torno da porção inicial da uretra, muito pequena, em forma de maçã, que, junto com as vesículas seminais, produz o líquido espermático.

Principais alterações encontradas:

→ Hiperplasia Prostática Benigna (HPB) : condição em que há aumento da glândula prostática em que pode pressionar a uretra com dificuldade de passar a urina. Não se trata de um tipo de câncer e não aumenta o risco de que o paciente desenvolver.

→ Prostatite (infecção ou inflamação): condição que pode afetar o homem a qualquer idade, mas é mais comum em pessoas com a idade entre 30 e 50 anos. Ela pode ser causada por uma infecção ou uma inflamação da glândula da próstata.

→ Câncer de Próstata: é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Mais do que qualquer outro tipo, é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.

Importante salientar que os sintomas originados pelos problemas de próstata são semelhantes e incluem:

  • Jato de urina muito fraco ou reduzido;
  • Necessidade frequente de urinar, especialmente à noite;
  • A sensação de que sua bexiga não se esvaziou completamente e ainda persiste a vontade de urinar;
  • Dificuldade de iniciar a passagem da urina;
  • Dificuldade de interromper o ato de urinar;
  • Urinar em gotas ou jatos sucessivos;
  • Necessidade de fazer força para manter o jato de urina;
  • Necessidade premente de correr ao banheiro – pode, inclusive, ocorrer que a urina vaze antes que chegue lá;
  • Sensação de dor na parte baixa das costas ou na pélvis;
  • Problemas em conseguir ou manter a ereção;
  • Sangue na urina ou no esperma (esses são casos muito raros).

Fatores de risco do Câncer de Próstata:

  • Idade (cerca de 62% dos casos são de homens a partir dos 65 anos);
  • Histórico familiar;
  • Raça (maior incidência entre os negros);
  • Alimentação inadequada, à base de gordura animal e deficiente em frutas, verduras, legumes e grãos;
  • Sedentarismo;
  • Obesidade: de acordo com o INCA (Instituto Nacional de Câncer), a obesidade está influenciando principalmente na incidência de câncer de próstata, mama e colorretal. Em homens obesos, o câncer de próstata é mais agressivo.

O seu diagnóstico precoce é essencial para o tratamento curativo. O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida.

 

Fonte: Associação pela Saúde da Próstata e INCA

 

 

 

 

06/11 – Dia Nacional do Riso

Está comprovado: rir traz muitas vantagens para a sua saúde! Veja algumas curiosidades:

→ Rir durante 15 minutos todos os dias queima até 40 calorias, segundo estudo da Universidade Vanderbilt (EUA). Isso significa que, ao longo de um ano, você pode perder quase 2 kg só na risada!

→ Rir pode evitar doenças do coração. É o que afirma pesquisa de cardiologistas do Centro Médico de Maryland (EUA). “A serotonina, liberada pelo ato de sorrir, protege o órgão de infarto, trombose e acidentes vasculares”, diz o médico homeopata Eduardo Lambert.

→ O riso estimula no cérebro a liberação de serotonina, neurotransmissor que ativa as células de defesa do organismo, que combatem vírus, bactérias, agentes alergênicos e outras doenças.

→ O riso alivia a tensão e a contração dos vasos sanguíneos. Isso faz com que a pressão do sangue diminua, evitando sintomas como insônia, cansaço constante, dores de cabeça e no peito.

→ O riso ativa a produção de endorfina, neurotransmissor com poder analgésico que promove o relaxamento do corpo, diminui o estresse e proporciona a sensação de bem-estar. Além disso, as risadas reduzem a produção da secreção de hormônios que causam estresse.

Fonte: Portal M de Mulher

Novembro azul: prevenir é sempre a melhor atitude

O câncer de próstata é o mais comum entre os homens, porém, a detecção precoce é fundamental para o tratamento, tendo em vista que 90% são curáveis em sua fase inicial. Para esta identificação é necessário que homens realizem exames de rotina com esta finalidade.

Orientações do Kurotel de como se preparar para conversar com o seu médico:

→ Faça seu exame regularmente após os 45 anos (com casos na família) e 50 anos (sem casos na família).
→ Escreva todos os sintomas que está sentindo.
→ Caso não apresente sintomas, mas atingiu a faixa de idade, faça o exame.
→ Apresente uma lista das medicações que utiliza, incluindo vitaminas ou suplementos alimentares.
→ Fale sobre hábitos alimentares e rotinas.
→ Avise o médico se houver histórico familiar de câncer de próstata.

Prevenir é sempre a melhor atitude!