Vida saudável Kur: os benefícios da granola funcional

Granola: um alimento prático e muito saudável

A granola é normalmente composta por cereais como a aveia, flocos de milho ou flocos de arroz, sementes (linhaça, chia, gergelim), oleaginosas (castanhas, amêndoas, noz), frutas secas (damasco, ameixa preta, passas de uva, maçã), que pode conter ou não açúcares, devido a estes ingredientes ocorrem variações na sua composição calórica. As granolas enriquecidas com sementes oleaginosas, acabam sendo mais calóricas, mas estas calorias são benéficas para o organismo, porque a presença de ácidos graxos insaturados auxilia na redução do LDL- colesterol, retarda a absorção dos carboidratos, e aumenta a sensação de saciedade.

Como preparar

Para se consumir uma granola verdadeiramente nutritiva e saudável, sem cair nas “armadilhas” das indústrias alimentícias que são elaboradas com mais de dois tipos de açúcares e ou adoçantes artificias e gorduras de baixa qualidade, a melhor opção é preparar uma granola caseira. A granola caseira pode ser composta pelos seguintes ingredientes: flocos de aveia e quinoa, castanha do pará picada e lascas de amêndoas, damasco picado e passas de uva, coco ralado, óleo de coco, mel ou melado para adoçar. Para o preparo basta misturar todos os ingredientes, espalhar em uma forma untada e assar por 15 minutos a 160º C. Como sugestão pode ser adicionado canela e gengibre.

Michelle Mileto Troitinho, nutricionista Kurotel

PROGRAME SUA VIDA

    Troque as palavras rudes por palavras de carinho
       mude seus gestos violentos por gestos suaves
       olhe com serenidade
       fale sem agressividade e sem destruição
       escute com atenção
       saiba ver no mundo o verde da esperança

       Não veja  filmes de violência
       Não conviva com pessoas pessimistas
       Não provoque discussões por nada
       Não fira sentimentos bons

      Escute música suave e tranquilize a vida
      Olhe as flores e menos os espinhos
      Contemple o sol mais que a lâmpada elétrica
      Olhe mais as árvores que os edifícios
      Goste mais do dia do que da noite
      Descubra mais a alegria no mundo do que a dor.

      goste de você como você é
      ame as pessoas como você se ama
      ame o mundo, ele é a fonte da beleza
      ame a Deus acima de tudo e de todos.

       sinta  a bondade nas pessoas
       saiba descobrir em tudo o bem existente
       não lamente com todos as suas misérias
       seja  amigo de tudo e de todos.

       ame e aceite ser amado
        perdoe e aceite ser perdoado
        viva intensamente e deixe os outros viverem
        lute pela comunhão entre os homens.

       olhe mais para o céu e menos para a terra
     faça de uma ideia, uma realização
       não guarde sua vida para si mesmo
       encontre a razão de sua luta diária
       espalhe o bem que está em você e nos outros                           
       ame antes de querer ser amado
       faça o bem sem esperar recompensa.

Programe sua vida e ela recompensará você por tê-la
programado

Créditos: Paulo Renan (UZN MIDIA DIGITAL)

Higiene do sono ajuda a tratar a insônia: saiba como fazer

Uma boa noite de descanso está relacionada a muitos fatores: aliás, você já ouviu o termo “higiene do sono”? É um conjunto de hábitos que ajudam a dormir bem, afinal, a qualidade do sono é fundamental para manter uma boa forma física e mental.

Como fazer a higiene do sono?

Tão importante quanto a quantidade de horas dormidas, a qualidade do sono é essencial para o bom funcionamento do corpo e da mente. O fisioterapeuta e especialista da CPAPS, Clêdisson Souza, explica que a “higiene do sono” diminui o risco de distúrbios como a insônia, ronco e apneia do sono.

“Esses hábitos podem começar a ser feitos de duas a três horas antes de ir dormir. Eles são responsáveis por desacelerar a mente e o corpo para que o indivíduo tenha uma boa noite de descanso”, completa o especialista.

Separamos algumas dicas para você fazer a higiene do sono e dormir bem:

  1. Alimentação leve: antes de dormir, opte por refeições mais leves com frutas, verduras e vegetais, por exemplo. Aposte também na ingestão de alimentos que provocam a produção de melatonina, o hormônio do sono, como cereja, banana, nozes e aveia.
  1. Bebidas estimulantes: evite o consumo de bebidas que contenham cafeína, como café e refrigerantes. Essa substância estimula o sistema nervoso central e se mantém no organismo por cerca de 8 horas.
  1. Atividades físicas: os exercícios físicos proporcionam muitos benefícios ao corpo. Uma simples caminhada já melhora a respiração, reduz a ansiedade e ajuda a dormir bem.
  1. Ambiente ideal: desligue todas as luzes do quarto, inclusive a do celular e da televisão. Isso vai te auxiliar a relaxar e “desligar” o corpo para boa noite de sono!

Clêdisson Souza – fisioterapeuta da CPAPS – CREFITO: 246452/ES

Abertura da Temporada de Inverno Kur: Noite de Caldos

Para o próximo dia 20 de Junho, além de ser feriado de Corpus Christi, o Kurotel preparou um evento exclusivo para celebrar a Abertura da Temporada de Inverno. Com uma Noite de Caldos quentes inédita, o Kur apresentará a programação diferenciada da nova estação, que será sinônimo de requinte, sofisticação e aconchego.

Confira abaixo o menu gourmet Kur para o evento:

Entradas (Tríade)

Creme de Abóbora com Gengibre
Creme de Cenoura e Maracujá
Creme de Aspargos e Coco com Raspas Crocantes

Pratos Principais

Caldo Verde com Galinha Caipira e Ervas da Horta Kur
Sopa de Camarão com Aipim Cremoso e Torradas Rústicas

Sobremesa

Consomé de Frutas Vermelhas e Creme de Kefir

Pensamentos e Humor: qual a relação entre eles?

Os nossos pensamentos influenciam nossas ações. Antes de termos um comportamento, existe a percepção e a formulação de uma ideia e, consequentemente, uma ação. E no meio deste caminho, entre o pensamento e a ação, está o nosso humor. Por isso que a lógica de que o pensamento influencia o humor e o comportamento tem um fundo de verdade: quando pensamos que algo vai dar certo, a probabilidade de efetivação é maior de que quando pensamos negativamente, pois o pensamento positivo movimenta meu humor positivamente e vice versa.

Quando estamos no cerne dos problemas, nossa visão fica embaçada, como se estivéssemos na estrada em meio ao nevoeiro. O que virá pela frente é permeado de incertezas, o novo gera ansiedade e o mais comum são os pensamentos fluírem de uma maneira negativa.  A base do pensamento negativo pode ser resultado de uma autoestima fragilizada, da vivência de um evento traumático, ou de estresse, pois quando internamente não estamos bem, a percepção da realidade fica alterada.

Quando o pensamento está negativo, as relações pessoais, familiares e profissionais ficam afetadas, pois é um efeito dominó, uma situação negativa vai desencadeando a outra e assim por diante. Analisar o pensamento antes de agir é uma dica importante, pois toda ação impulsiva pode gerar problemas. Por isso é importante desenvolver com equilíbrio as variáveis que envolvem o ser humano. O bom convívio familiar vai gerar boas relações pessoais, pois o modelo inicial será reproduzido e o ensaio será com nossos familiares. No âmbito profissional, o aprendizado para lidar com as vitórias, cobranças e frustrações também será ensaiado no lar e nas relações com o mundo.

Mas o que isso tem a ver com pensamento negativo?

Tudo! Pois a origem da fluência do nosso humor e, consequentemente, da nossa percepção se darão das relações iniciais, que são o alicerce da nossa personalidade, a nossa visão de mundo e de si, que será lapidada nas relações com o meio.

Isto quer dizer que somos reféns do passado?

Não. Podemos sim aumentar nossa saúde mental modificando e adequando conceitos e pensamentos, por isso que a psicoterapia é uma aliada neste sentido, pois faz compreender a origem, mas também reflete e ensina técnicas que podem modificar a percepção de mundo, tornando a pessoa mais assertiva no seu pensamento e no seu comportamento.

A crise para o otimista é uma oportunidade e para o pessimista é uma tragédia. Quem vive remoendo o passado ou antecipando o futuro deixa de viver o momento e acaba afetando seu presente.

Texto do Psicólogo do Kurotel, Michael Zanchet

Exercício e Memória: A importância das atividades físicas para a saúde mental

Você conhece relação e a influência que os exercícios físicos têm com a memória das pessoas?

Ao praticar exercícios físicos estimula-se o bom funcionamento cerebrovascular, ou seja, aumenta-se o nível de oxigênio pelo corpo, melhorando a circulação cerebral. Este aumento da oxigenação exerce influência positiva sobre o cérebro, melhorando a memória. Outro fator importante é que o exercício físico estimula a produção de neurônios. O aumento da irrigação e oxigenação do cérebro promovem o crescimento do número de neurônios no hipocampo, região responsável pela memória.

Exercícios que podem evitar a falta de memória:

Os exercícios aeróbios são os mais indicados, como caminhada, andar de bicicleta, corrida, dança, pois aumentam o nível de oxigênio pelo corpo e melhoram a circulação cerebral, assim influenciam positivamente na memória e promovem o acréscimo de novos neurônios no hipocampo. Os exercícios resistidos com o intuito de aquisição de força também estão relacionados a ganhos neurais. Realizar atividades como hidroginástica, pilates, treinamento funcional, yoga, também promovem a atividade cerebral, auxiliando na memória. O exercício físico bem orientado e sistematizado pode ser utilizado como meio preventivo e de tratamento não medicamentoso para o retardamento do déficit de memória.

Receita Kur para o Fim de Semana: Especial Dia das Mães

Para o Dia das Mães, preparamos uma receita saudável e muito saborosa para você desfrutar nesta data especial: “Risoto de Quinoa com Tomate e Frango”

Ingredientes:

1 xícara (chá) de quinoa
1 colher (sopa) de óleo
1/2 xícara (chá) de cebola picada
2 xícaras (cha) de alho-poró em rodelas
1 xícara de aipo em rodelas
1 xícara (chá) de tomates sem pele, sem sementes e picado
1 xícara (chá) de suco de tomate
1 xícara (chá) de vinho branco
1 colher (café) de sal marinho não refinado
2 xícaras (chá) de caldo caseiro de frango
2 xícaras (chá) de frango cozido, desfiado e temperado a gosto
1 xícara (chá) de tomates secos em tiras
3 colheres (sopa) de tempero verde picado

Modo de preparo:

Coloque em uma panela o óleo para aquecer. Acrescente a cebola para dourar. Junte o alho-poró, o aipo e mexa até que fiquem levemente cozidos. Junte a quinoa, o tomate, o suco de tomate, o caldo de frango, o sal e o vinho. Deixe cozinhando até que o líquido esteja complemetamente absorvido e a quinoa cozida. Acrescente o frango desfiado e os tomates secos. Misture bem. Acrescente tempero verde picado a gosto.
Rendimento: 5 porções

Você sabe o que acontece com o seu organismo quando para de consumir refrigerante?

A maioria das pessoas sabe que a ingestão de refrigerantes é extremamente maléfica ao nosso corpo, mas é bastante comum consumir a bebida mesmo assim. A fim de conscientizar e estimular uma vida mais saudável, a nutricionista do Kurotel, Mariellen Emidio Figueroa, listou uma série de benefícios que ocorrem no organismo ao parar de tomar refrigerantes:

Emagrecimento – Diminuição do valor calórico, diminui a produção de insulina no sangue. A insulina é o hormônio responsável por levar a glicose do sangue para dentro da célula. O excesso de açúcar no sangue leva ao estoque de lipídio nos adipócitos (células de gordura).

Reduz risco de câncer –  O refrigerante possui em sua composição corantes, acidulantes, aditivos químicos, que aumentam a inflamação e aumentam o risco de câncer.

Reduz risco de desenvolver Diabetes – Cada lata de refrigerante tem aproximadamente 35g de açúcar o equivalente a 7 colheres de chá de açúcar. Se o indivíduo ingerir 1 lata por dia estará ingerindo 1 kg de açúcar por mês.

Previne o envelhecimento precoce – Contém substâncias que aumentam a formação de radicais livres ao contrário dos antioxidantes encontrados nas hortaliças e frutas, eles aceleram o envelhecimento das células, prejudicando suas funções.

Previne doenças cardiovasculares- Um estudo feito pela Harvard School of Public Health (EUA) aponta que ingerir bebidas açucaradas diariamente, como refrigerantes, podem aumentar em 20% risco de doenças cardíacas.

Melhora o trânsito intestinal – O excesso de açúcar e substâncias químicas presentes no refrigerante, prejudicam a função das bactérias benéficas do intestino e favorecem o crescimento das bactérias ruins (que podem causar doenças e enfraquecer a imunidade).

Protege o fígado O excesso de açúcar e substâncias tóxicas presentes no refrigerante, sobrecarregam o fígado, transformando o açúcar em gordura. A longo prazo, pode evoluir para esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado), o que prejudica sua função metabólica

Mitos e verdades sobre gestação e saúde bucal

Em alusão ao Dia das Mães, o dentista do Kurotel, Dr. Ernani Calvete, esclarece os mitos e verdades sobre gestação e saúde bucal. 

Gestantes não podem fazer tratamentos dentários: MITO

De um modo geral, gestantes podem se submeter a qualquer tratamento odontológico. Alguns medicamentos poderão estar restritos, mas o dentista saberá receitar a medicação adequada para cada caso.

Os dentes ficam mais frágeis durante a gestação: MITO

Não há alteração nos dentes durante a gestação. O que sim pode ocorrer é que, durante o período gestacional, alguma mulheres exageram na frequência de consumo de alimentos com açúcar o que pode fazer com que desenvolvam cáries nesse período. Seguindo uma dieta adequada os dentes permanecerão saudáveis durante a gestação.

Gestantes têm mais propensão à doença de gengiva: VERDADE

Durante a gestação as transformações hormonais deixam as gengivas mais propensas à gengivite. Além disso, caso comece a gestação já tendo uma doença periodontal (doença gengival mais grave), ela será mais agressiva no período gestacional. Para prevenir doenças gengivais é fundamental uma correta higiene com escova e fio dental.

Mulheres grávidas não podem se submeter a radiografias dentárias: MITO

O exame radiográfico mais comumente usado em odontologia inclui 14 pequenas radiografias que englobam todos os dentes. A quantidade de radiação a que a paciente é exposta coma as modernas radiografias digitais equivale à quantidade de radiação a que somos expostos em um voo de duas horas. Mesmo com radiografias convencionais a exposição à radiação é pequena. No entanto, é importante utilizar coletes de proteção que estão sempre disponíveis em clínicas de radiologia e consultórios odontológicos.

Gestantes com doença de gengiva tem maior risco a parto prematuro: VERDADE

As doenças gengivais são processos inflamatórios crônicos que fazem com que o organismo produza constantemente mediadores inflamatórios. Essas substâncias aumentarão a produção do hormônio que promove a contração do útero no momento do parto. Este hormônio quando aumentado pode gerar prematuridade de parto. Esta é mais uma razão para manter cuidados com a saúde bucal durante a gestação.

Detox Pós-Páscoa: como recuperar o organismo

Após o feriado de Páscoa, é necessário atenção e cuidado com o corpo

Após comer em excesso em períodos curtos, como na Páscoa, por exemplo, a maioria das pessoas pensa que fazer uma dieta detox de 3 ou 5 dias resultará em emagrecimento e eliminação de todas as toxinas. No entanto, é importante destacar que a destoxificação tem como objetivo promover a redução de substâncias inflamatórias e aumentar a eliminação de toxinas do organismo, sendo que essas substâncias podem ser metais pesados, aditivos alimentares, pesticidas, agrotóxicos, poluentes do ar e da água, medicamentos, etc.

Este processo ocorre em todas as células, mas principalmente no fígado e intestino. Para que a destoxificação aconteça adequadamente, é necessário retirar da alimentação os principais alimentos que podem ser prejudiciais ao organismo, como por exemplo, carne vermelha, açúcares e laticínios. Também é recomendado excluir por até vinte dias, alimentos industrializados ricos em aditivos químicos, e alimentos enlatados, embutidos e refinados, como refrigerantes, café, sucos artificiais, frituras e bebidas alcoólicas.

Com o estilo de vida atual, os maus hábitos alimentares se perpetuam ao longo de muitos anos na vida da grande maioria das pessoas, sendo ainda mais comuns em períodos de férias ou feriados. Para quem está em busca de uma alimentação mais saudável, equilibrada e anti-inflamatória, deve consumir diariamente cereais integrais (arroz, aveia, quinoa), frutas, vegetais folhosos verdes, legumes crus e cozidos, sementes oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas), sementes (abóbora, girassol, chia, gergelim), leguminosas (feijões, lentilha, grão de bico), ovo, peixes, tubérculos (batata doce, aipim, inhame), entre outros. Além disso, substituir o que for possível por alimentos de cultivo orgânico, para minimizar a exposição a pesticidas, herbicidas, hormônios e antibióticos.

Como diminuir a vontade de comer doces

É comum ingerir uma grande quantidade de chocolates e alimentos açucarados neste período, e para amenizar a vontade de comer doces, as frutas secas (damasco, ameixa, tâmaras, passas de uva), frutas cozidas (maçã, pera, banana) e sorbet de frutas são ótimas opções. Além de serem preparadas com o açúcar natural da fruta, estas substituições podem entrar na alimentação como lanches, sobremesas do almoço e ceias.

O suco verde e outros sucos detox também auxiliam no processo de destoxificação, mas quando ingeridos sozinhos não fazem milagres. A alimentação deve ser saudável e equilibrada em um todo, fornecendo todos os nutrientes necessários para dar o suporte adequado ao organismo eliminar as toxinas.

Outro benefício importante para o corpo neste período é manter a hidratação adequada do organismo, através da ingesta de água, que auxilia a prevenir a retenção de líquidos. Alguns chás também contribuem para prevenir e aliviar o inchaço, como o chá verde, chá branco, chá de hibiscos, chá de cavalinha, chá de dente de leão, entre outros.

Michelle Mileto Troitinho, Nutricionista do Kurotel